First slide First slide First slide First slide First slide

A barraca da Jani Cleide é a responsável por cuidar dos estômagos famintos após a diversão na Batalha de MC’s da Rubi.

Texto e fotos por: Breno Andreata

  • Pastelaria
  • Vegetariano
  • Acessibilidade
  • Opção Vegetariana

A barraca de pastel da Jani já virou rota garantida aos que frequentam a movimentada Batalha da Rubi, evento de MC’s e poetas que se reúnem às quintas-feiras, em frente à estação Vila Aurora, na Linha 7-Rubi, da CPTM, Zona Noroeste de São Paulo.

Alagoana, Jani Cleide, 39 anos, está há vinte anos na cidade e mora em Pirituba, na Zona Norte. O negócio existe há um ano e teve a clientela multiplicada após o vínculo com os jovens MC’s.

“É gratificante saber que sempre que eles saem da batalha, passam e ficam aqui comendo pastel. Nunca tivemos
uma relação de clientela, sempre fomos amigos”, diz Jani, com um sorriso permanente no rosto.

Frequentador assíduo da competição, João Vitor, 23 anos, mais conhecido como Jay Luckee, morador do Jaraguá, conta que a Barraca da Jani é onde a batalha realmente termina. O evento acontece às quintas-feiras, entre 20h30 e 22h30, em frente às saídas da estação. “Fizemos até um cartão fidelidade. Ela sempre dá pastel pro campeão da batalha”, conta. Comendo os pastéis é que eles comentam sobre cada edição e sobre as melhores e piores rimas, assim como inquietações e angústias da vida.

De forma geral, o público da barraca é sempre muito diversificado. Os pastéis custam R$ 6 e medem cerca de 25 centímetros. São feitos, como Jani diz “sem miséria e sem espaço para o vento”. Uma das inovações da barraca é o pastel de lasanha, que deixa a boca salivando.

Preço Médio

R$6,00 à R$12,00

Voltar

Os Parças Sport Bar

Bar dos Parças abre espaço para a “Noite das Minas”

Casa Do Norte Dona Acarajé

Restaurante de culinária baiana amplia fronteiras e ajuda nordestinos e nordestinas a matarem a saudade das terras natais pelo paladar

Pular para o conteúdo